A Cidade Sagrada de Caral

Gostou? Compartilhe

A Cidade Sagrada de Caral

    Depois de sairmos de Lima, chegamos em uma cidade litorânea muito pequena onde encontramos nossos amigos suíços que havíamos conhecido no Hostel em Lima. Passamos a noite lá e tivemos um bom descanso de frente a uma lagoa e pertinho do mar, em um excelente momento, já que estávamos cansados das noites turbulentas que tivemos no hostel, assim como os suíços.

     No dia seguinte seguimos viagem para conhecer a cidade de Caral, que não estava no roteiro, mas recebemos a indicação de outro viajante, então vamos conhecer. A cidade de Caral fica cerca de 4 horas de Lima, por isso vale muito a pena reservar um dia para conhecê-la. Principalmente para quem gosta de história, cultura e tem curiosidade sobre os povos antigos da América, tudo isso torna ela mais interessante, mesmo debaixo de um sol de 35ºC.

Mas o que é essa cidade e o que tem de interessante nela?

Ela é um sítio arqueológico com uma excelente infraestrutura e informações sobre a cidade e a civilização de Caral.

      A cidade sagrada de Caral foi uma descoberta arqueológica no ano de 1994 pela arqueóloga Ruth Shady, essa informação foi dada por nosso guia pois os passeios são sempre guiados. Porém a verdade é que já existiam outros historiadores falando sobre a cidade nas décadas de 40 e 50 e ela foi a responsável pela descoberta da localização e das escavações! Uma grande arqueóloga.

A arqueóloga iniciou as escavações em 1996 descobrindo a cidade sagrada.

O mais importante é que Caral é considerada a cidade mais antiga das Américas, fazendo parte das civilizações mais antigas, como Mesopotâmia, India e Egito. Ela data de 5 mil anos de antiguidade. Formada por 6 pirâmides, praças circulares, residências e outros edifícios.

E o que mais no chamou a atenção foi o fato de não haver nenhuma divulgação pelo governo peruano ou do ministério do turismo desta cidade tão importante. Questionamos nosso guia e ele nos disse que ainda não era de interesse, por ser uma descoberta mais recente.

Caral foi considerada como patrimônio histórico pela Unesco em 2009.

O que mais se destaca é a arquitetura e as técnicas usadas para a construção das pirâmides. Com o conhecimento de aritmética, geometria e a influência da astronomia.

As construções que mais se destacam são as:

Pirâmide Maior

Pirâmide Menor

Pirâmide da Galeria

Pirâmide da Huanca

Templo do Anfiteatro

Pirâmide da Cantera

Templo do Altar Circular

    Caral era a sede administrativa, onde os senhores eram responsáveis pela organização da vida dos habitantes e das várias cidades e vilas ao seus arredores. Todas essas localidades tinham as mesmas tradições, o que tornava uma civilização muito organizada.

A religião fazia parte do dia a dia da comunidade, totalmente perceptível na construção das pirâmides com praças e santuários do fogo sagrado, onde se realizam as festividades.

    O interessante de tudo isso é que as 32 estruturas piramidais construídas sao da mesma época da construção das pirâmides do Egito.

Tudo na cidade tem um sentido religioso, há muitos fornos religiosos para oferendas além de espaços não só nas praças como nas próprias casas para os rituais.

    Um dos artefatos mais curiosos foi a descoberta de várias flautas. Além de outros adornos usados pelo povo de Caral.

Foi um povo muito interessante com forte cultura e religiosidade. Um grande patrimônio histórico para a história do continente americano.

  • Distância percorrida: 220 km (Lima, Camping, Caral)
  • Estrada em boas condições, com 02 pedágios – cada $ 7,40 soles (R4 7,40)
  • Onde acampamos: Camping Albufera Medio Mundo ($ 30,00 soles / R$ 30,00 reais)
  • Ingressos: Entrada Sítio Arqueológico $ 11,00 soles p.p. (R$ 11,00 p.p.) / Guia: $ 2,00 p.p. soles cada (R$ 2,00 p.p.)
  • Tem um senhor que vende um sorvete tipo “gelinho” na entrada que vale à pena, pura fruta e no calor que estava, melhor ainda.
Gostou? Compartilhe

2 comentários

    • George Eraso em 15 fevereiro; 2017 às 7:15 PM

    Responder

    A su paso por Pasto, Nariño, en el sur de la República de Colombia.
    Bye friends

      • SanchoTrip em 16 fevereiro; 2017 às 12:48 AM
      • Autor

      Responder

      Hola Erasmo, que el placer recibimos su opinión. Acabamos llegan zumbido con acampar y el placer de Colombia. La entrada en la región de Nariño es increíble. Muchas gracias !! Síguenos también por facebook: sanchotripbr e instagran: @sanchotrip

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado